Orga­ni­za­ção

A asso­ci­a­ção @fire está sedi­ada em Osna­brück com a sua sede em Walle­nhorst, distrito de Osna­brück (NI). Além disso, @fire tem escri­tó­rios em Muni­que (BY), Wipperfürth/Colónia (NW) e Kieselbronn/Pforzheim (BW).

@fire é uma orga­ni­za­ção descen­tra­li­zada, não existe um centro de forma­ção único e central ou uma loca­li­za­ção única e central.

Em vez disso, @fire tem três campos opera­ci­o­nais perto de Estu­garda, Coló­nia e Pots­dam, bem como várias bases para as equi­pas regi­o­nais, por exem­plo na Bavi­era, Baden-Würt­tem­berg, Bran­den­burg, Baixa Saxó­nia e Renâ­nia do Norte-Vestefália.

A estru­tura orga­ni­za­ci­o­nal do @fire está divi­dida em equi­pas regi­o­nais. Para além da forma­ção supra-regi­o­nal, são pres­ta­dos servi­ços regu­la­res de equipa para forma­ção e aper­fei­ço­a­mento profissional.

Um alarme pode ser acti­vado atra­vés da linha directa

+49 (0) 800 7777 111

têm lugar. Pode encon­trar mais infor­ma­ções sobre o pedido aqui.

Adesão activa

O requi­sito básico para ser membro de @fire é, em primeiro lugar, ter 18 anos de idade, o apti­dão mental e física, bem como a vontade de parti­ci­par acti­va­mente na asso­ci­a­ção. São dese­já­veis quali­fi­ca­ções de nível básico das áreas de bombei­ros, serviço de salva­mento ou silvi­cul­tura mas não obri­ga­tó­rio. Inde­pen­den­te­mente da quali­fi­ca­ção, cada membro completa basi­ca­mente os mesmos níveis de formação. 

Conso­ante o local de resi­dên­cia do inte­res­sado a missão a uma equipa regi­o­nal tem lugar. Os chefes de equipa regi­o­nais assu­mem então o proce­di­mento de admissão.

@fire espera a coope­ra­ção activa dos seus membros. Para um clube como @fire até estar no A fim de poder entrar em acção, é neces­sá­rio um cuida­doso plane­a­mento e prepa­ra­ção da missão. Mas também As rela­ções públi­cas e a anga­ri­a­ção de fundos são um impor­tante campo de acti­vi­dade no seio da asso­ci­a­ção. @fire não recebe finan­ci­a­mento público e vive de doações. É por isso que é também a tarefa de cada membro para procu­rar rendi­men­tos sob a forma de dona­ti­vos. Só então @fire pode agir. Em todas estas áreas, pede-se aos membros que se envol­vam activamente. 

Uma e outra vez é-nos pergun­tado “Onde é que tudo isto acon­tece”. @fire é uma rede, não há centro de forma­ção central ou simi­lar. Os membros são prove­ni­en­tes de toda a Alema­nha, de Áustria, Tirol do Sul e Suíça. Não é atípico viajar alguns quiló­me­tros várias vezes por ano para o serviço de equipa ou para viajar mais de 200 quiló­me­tros para um curso de forma­ção de fim-de-semana. Para isto é neces­sá­ria uma grande vontade de viajar e mobi­li­dade. Muitas vezes o carpo­o­ling ajuda a redu­zir os custos baixo. 

“@fire - Inter­na­ti­o­na­ler Katas­trophens­chutz Deuts­ch­land e.V.” - se quiser ser inter­na­ci­o­nal­mente activo, venha até nós. em torno da língua inglesa. As direc­tri­zes inter­na­ci­o­nais e os docu­men­tos de forma­ção estão dispo­ní­veis em Inglês e faz parte da forma­ção da WFF e da USAR. Comu­ni­ca­ção sobre um inter­na­ci­o­nal Parquet trans­porta as línguas inglês e/ou fran­cês. Não precisa de falar inglês perfeito para para traba­lhar para @fire. Mas é útil para compre­en­der a língua. No início, normal Inglês escolar.

@fire é uma asso­ci­a­ção sem fins lucra­ti­vos que se finan­cia exclu­si­va­mente atra­vés de doações e
Taxas de adesão. Não serão cober­tas despe­sas de viagem para forma­ções, cursos ou outros @fire events.

Em prin­cí­pio, os membros sacri­fi­cam o seu tempo por cursos e missões.
tempo livre ou as suas férias. Uma vez que não esta­mos fili­a­dos na protec­ção civil naci­o­nal
não são assu­mi­dos quais­quer paga­men­tos por defeito para as cessões. Para missões no estran­geiro, a asso­ci­a­ção forma uma
Reserva de missão. Aqui, os membros não incor­rem em quais­quer custos de voos, aloja­mento, refei­ções ou similares.

A taxa anual de adesão é actu­al­mente de 80 euros. Há um desconto para estudantes.

Para a
A aqui­si­ção de equi­pa­mento de protec­ção pessoal e outro equi­pa­mento incorre em custos adicionais.

@fire é actu­al­mente finan­cei­ra­mente inca­paz de forne­cer aos seus membros equi­pa­mento de protec­ção pessoal (EPI) completo. Há aqui custos adici­o­nais para os membros. Para parti­ci­par numa opera­ção é neces­sá­rio ter o @fire completo de vestuá­rio de protec­ção contra incên­dios. Isto inclui um capa­cete de segu­rança com óculos de protec­ção, um casaco e calças, bem como luvas. Quando se trata de calçado, a maio­ria dos membros recai sobre o seu calçado pessoal dos bombei­ros. Os mode­los comuns de botas de renda podem ser usados aqui. Cami­sas pólo adici­o­nais, T-shirts, pulô­ve­res, casa­cos de lã e calças podem ser compra­dos como vestuá­rio de serviço. Além disso, os membros preci­sam dos seus próprios uten­sí­lios alimen­ta­res, saco de dormir, tapete de dormir, mochila, mochila, capa­cete e lanterna, etc. para cursos de forma­ção, exer­cí­cios e, claro, para uma missão inter­na­ci­o­nal. Os custos depen­dem muito do que já está dispo­ní­vel. Para o @fire PPE, planear sobre cerca de 300 euros.

Não é neces­sá­rio estar comple­ta­mente reves­tido de EPI desde o início. Para os membros que vêm dos bombei­ros, existe a possi­bi­li­dade de utili­zar os EPI exis­ten­tes dos bombei­ros muni­ci­pais no início dos exer­cí­cios e cursos de treino. Capa­ce­tes, por exem­plo, também podem ser aluga­dos. Infor­ma­ções deta­lha­das sobre EPI e outros equi­pa­men­tos serão um tópico regu­lar nos cursos de formação.

Infor­ma­ção espe­cial para mani­pu­la­do­res de cães de resgate

  • A idade completa de 18 anos, bem como a vontade de parti­ci­par acti­va­mente na associação.
  • O trata­dor de cães de resgate é um trata­dor de cães activo com cão (testado ou em treino).
  • Ele completa pelo menos 50 dias de forma­ção em busca por ano e tem acesso a áreas de forma­ção com edifí­cios e cama­das de detritos.
  • As quali­fi­ca­ções de entrada nas áreas de bombei­ros e servi­ços de salva­mento são dese­já­veis mas não DEVEM. Em prin­cí­pio, todos os membros comple­tam os mesmos níveis de forma­ção (pelo menos curso de iden­ti­fi­ca­ção, USAR 1).
  • Cada membro é atri­buído a uma equipa regi­o­nal. Aí tem a opor­tu­ni­dade de conhe­cer melhor a asso­ci­a­ção e de parti­ci­par nos servi­ços da equipa regional.
  • Não tem de falar inglês perfeito, mas deve estar disposto a apren­der algo por sua própria inici­a­tiva. A língua USAR é o inglês e a comu­ni­ca­ção a nível inter­na­ci­o­nal tem lugar em inglês e/ou fran­cês. O conhe­ci­mento de outras línguas estran­gei­ras é bem-vindo.

  • Adesão com @fire
  • Requi­si­tos padrão como para todos os membros de @fire que parti­ci­pam em missões estran­gei­ras, tais como passa­porte válido, protec­ção de vaci­na­ção humana (e animal), teste de apti­dão física, etc.
  • @curso de iden­ti­fi­ca­ção do fogo
  • @fire USAR 1 Curso
  • @curso de Doghan­dler de fogo
  • Pelo menos uma quali­fi­ca­ção adici­o­nal da área de 
    • Loca­li­za­ção técnica
    • Médico
    • Salva­guar­das
    • Logís­tica
  • Teste de entu­lho válido de acordo com GemPPO (ou comparável).

O objec­tivo é obter as quali­fi­ca­ções para a missão no estran­geiro no prazo de 1 a 2 anos. Assim, são procu­ra­dos mani­pu­la­do­res de cães acti­vos com inte­res­ses mais diver­sos do que o puro traba­lho canino. A admis­são na asso­ci­a­ção não dá auto­ma­ti­ca­mente ao membro o direito de parti­ci­par em forma­ções ou missões, uma vez que as quali­fi­ca­ções inter­nas devem ser adqui­ri­das primeiro para este fim.

Pergunta aberta

Há algu­mas ques­tões por respon­der? Então aqui está a opor­tu­ni­dade de lhes perguntar.

Entra­re­mos então imedi­a­ta­mente em contacto consigo com uma resposta.